Correção de Cicatrizes
 

A correção de cicatrizes envolve procedimentos cirúrgicos cicatrizes decorrentes de cirurgias prévias ou acidentes com o objetivo de melhorar a estética, promover conforto e favorecer a auto-imagem. Atualmente é uma importante área da cirurgia plástica com inúmeras técnicas e procedimentos descritos e atuando na parte estética e funcional. A aparência estética da cicatriz é uma questão que preocupa algumas mulheres não apenas por uma questão própria de auto-imagem mas também na exposição corporal e vida social, fato este que motiva a busca pela cirurgia. Os procedimentos cirúrgicos estão relacionados a remodelação da antiga cicatriz, o uso de técnicas menos traumáticas, cola cirúrgica e cuidados pós operatórios intensivos para se evitar o alargamento (cicatriz hipertrófica) ou crescimento (queloide) da nova cicatriz. Em casos selecionados realiza-se a complementação da cirurgia com aplicação de beta-terapia pós operatória com objetivo de inibir o crescimento da nova cicatriz.

Você sabia ?

"A correção de cicatrizes é mais comum do que se imagina. Segundo dados da Sociedade Americana de Cirurgia Plástica (ASPS) no relatório Plastic Surgery Statistics-2018 a cirurgia de correção de cicatriz é considerada o 3o. procedimento reconstrutivo mais realizado nos últimos anos, ficando atrás de cirurgias reconstrutivas da face (maxilofacial) e atendimento a traumatismos (ferimentos). Nos EUA em 2018 foram aproximadamente 180 mil cirurgias de correção de cicatriz com objetivo de melhora estética e funcional" 

portrait%2520of%2520young%2520woman%2520

PERGUNTAS FREQUENTES (casos reais) ....

Tenho dois filhos, ambos parto cesárea. No último parto, a cicatriz não ficou boa, parece um cordão...., Tem como melhorar? o que fazer ? (APA, 36 anos, Veterinária, SP).

Esta é uma queixa muito comum em mulheres que procuram a cirurgia de correção de cicatriz. Habitualmente, a cicatriz cesariana evoluiu bem pois não há tensão no fechamento, se localiza sobre as dobras naturais da pele na região do abdome e há a influência dos hormônios da gravidez que facilitam a boa cicatrização. Todavia, em alguns casos pode não ter uma boa evolução e o mais comum é a presença de cicatriz tipo queloide em parte ou em toda a cicatriz, e a presença de aderências profundas dando um aspecto "de vinco" com retração da dobra para dentro. As causas podem ser decorrentes do próprio trauma da pele durante o parto (mais comum em bebês grandes) ou mesmo pequenas infecções no corte ou abertura de pontos e cicatrização expontânea. Assim, o melhor tratamento é refazer essa cicatriz com técnicas delicadas de cirurgia plástica e cuidados pós-operatórios. Nos casos de aderências profundas, realiza-se a liberação das pontes de aderência e refaz a nova cicatriz. Ambos procedimentos podem ser feitos com anestesia local e repouso relativo após o procedimento por 10-15 dias. 

Quando era pequena precisei fazer uma cirurgia no quadril após um acidente. Desde então já tentei 2 correções da cicatriz que não tiveram bom resultado....Vale a pena tentar de novo ? (PSS, 30 anos, Jornalista, SP).

Depende muito da técnica que foi empregada e a localização da cicatriz. As vezes as cicatrizes de cirurgia ortopédica podem evoluir com queloide ou mesmo alargadas (hipertróficas) e necessitam de correção. Em casos de resultado ruim mesmo após a correção cirúrgica pode-se tentar a betaterapia pós-operatória como complementação a cirurgia. É bem indicada principalmente na situação de quelóides. Esse tratamento  usa radiação corpuscular (raios beta), é reconhecido pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), e pode apresentar uma eficácia de até 75% em queloides.  São necessárias de 5-10 aplicações, sendo que em casos especiais podem ser usadas até 14 sessões. É indolor e pode ser feito em qualquer parte do corpo e é indicado, inclusive, para gestantes, idosos e crianças. É importante o cirurgião plástico e o radioterapeuta individualizar cada caso, para optar pelo melhor tratamento.

Além da correção cirúrgica da cicatriz que outros cuidados posso tomar para ter uma boa cicatrização ? (TS, 21 anos, Estudante, SP).

Após a correção da cicatriz deve-se seguir as orientações pós-operatórias com repouso, evitar trauma local, cuidar dos curativos e seguir uma boa alimentação. Os pontos devem ser retirados no tempo certo pois se ficarem muito tempo podem estimular uma cicatrização mais intensa e visível. Atualmente empregamos de rotina, mesmo em cirurgias eletivas como mama e abdome, o uso do silicone tópico, em diferentes formulações a depender de cada caso na prevenção de cicatrizes hipertróficas ou quelóides. De fato, artigos científicos mostram o benefício com o silicone e os resultados demonstram melhora significativa na qualidade final das cicatrizes, de diferentes causas, após o uso de produtos com silicone gel como líquido, gel ou fitas adesivas. Recomenda-se aplicar silicone gel logo após a retirada dos pontos. Idealmente, deve-se deixar o produto em contato com a cicatriz 24 horas por dia, o que necessita sua aplicação uma ou duas vezes ao dia, dependendo da localização e do clima local com maior ou menor transpiração durante o dia. O uso é contínuo por 3meses e não tendo melhora, deve-se aumentar o tempo de aplicação por mais 3 meses.

Agende hoje sua consulta para esclarecer suas dúvidas....

CONSULTAS:

Fones: 11 32551760 ou 1769 (Central)

CONTATOS DAS UNIDADES:

115080 7800 (Moriah) / 11 32551760 ou 1769 (Higienópolis)

Email: alexmunhozplastico@gmail.com